quinta-feira, 1 de junho de 2017

O Que Jesus Ensinou Sobre Jejum


Em Mateus 17 encontramos algo que nos revela o que Jesus ensinou aos Seus discípulos sobre o jejum. Jesus subiu ao que chamamos de Monte da Transfiguração acompanhado de Tiago, Pedro e João. Lá Ele teve uma visitação de Deus. Depois disso, Ele instruiu os três discípulos para não   contarem a nenhum homem sobre o que haviam visto; então, eles deixaram a montanha. Enquanto isso, os outros discípulos estavam tentando expulsar um diabo do filho de um homem, no vale daquela montanha. Os discípulos já haviam expulsado diabos antes sem nenhum problema, mas, agora, eles haviam encontrado um diabo que não queria sair daquela pessoa. Enquanto eles estavam tentando, sem sucesso, uma multidão se reunia em volta deles.

Os discípulos estavam provavelmente se sentindo frustrados, nervosos e envergonhados. Esta foi a
situação com que Jesus, Tiago, Pedro e João se depararam quando voltaram da montanha. E quando chegaram para junto da multidão, aproximou-se dele [de Jesus] um homem, que se ajoelhou e disse:
Senhor, compadece-te de meu filho, porque é lunático e sofre muito; pois muitas vezes cai no fogo e outras muitas, na água.

Apresentei-o a teus discípulos, mas eles não puderam curá-lo. Jesus exclamou: Ó geração incrédula e
perversa! Até quando estarei convosco? Até quando vos sofrerei? Trazei-me aqui o menino. E Jesus repreendeu o demônio, e este saiu do menino; e, desde aquela hora, ficou o menino curado. Então, os discípulos, aproximando-se de Jesus, perguntaram em particular: Por que motivo não pudemos nós expulsá-lo? E ele lhes respondeu: Por causa da pequenez da vossa fé. Pois em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele passará. Nada vos será impossível.

[MAS ESTA CASTA NÃO SE EXPELE
SENÃO POR MEIO DE ORAÇÃO E
JEJUM.] – Mateus 17:14-21

Então, este homem veio até Jesus e disse, “Senhor Jesus, por favor, tenha misericórdia de meu filho. Ele está louco – está fora de si – e com freqüência um espírito o lança no fogo. Eu o trouxe até os meus discípulos, mas eles não puderam libertá-lo. Note como Jesus respondeu aos discípulos: “Geração incrédula e perversa, por quanto tempo vos sofrerei?”. Em outras palavras, “Por quanto tempo eu terei que fazer isto por vocês?”. Jesus não teria dito isso se não esperasse que Seus discípulos expulsassem aquele diabo.

Jesus repreendeu o diabo e este deixou o menino. Então, os discípulos fizeram o mesmo que Eu teria feito. Eles vieram até Jesus em particular e disseram, “Por que nós não pudemos expulsar aquele diabo?”. (Eu com certeza não teria gritado esta pergunta em meio a multidão, porque Jesus provavelmente responderia gritando: “Por causa da sua incredulidade!”).

Observe novamente a resposta de Jesus no versículo 20:
E ele lhes respondeu: POR CAUSA DA PEQUENEZ DA VOSSA FÉ. Pois em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele passará. NADA VOS SERÁ IMPOSSÍVEL Jesus disse que a razão pela qual o diabo não
deixava aquele menino era a incredulidade dos discípulos. Então, Ele disse que se eles aprendessem a
lidar com aquela incredulidade, eles poderiam dizer a um monte, “Levante-se daqui!”, e ele os obedeceria.

Finalmente, Jesus disse algo completamente incrível: “Nada será impossível para vocês”.
O que Jesus estava dizendo é que se eu aprender a lidar com aquele tipo específico de incredulidade, eu tenho uma promessa Dele de que nada será impossível para mim. Quando eu descobri esta verdade eu queria saber a que tipo de incredulidade Jesus estava se referindo aqui, para que eu pudesse reconhecê-la e lidar com ela!

(Continua...)

Pr. Dave Roberson 

Nenhum comentário:

Postar um comentário